Entenda porque a Logística Reversa está relacionada com o Tripé da Sustentabilidade?

Os primeiros estudos sobre o Tripé da Sustentabilidade são da década de 90, quando o pesquisador John Elkington lançou o artigo The Triple Bottom Line: What is It and How Does It Work?


A ideia era de mensurar os resultados das empresas a partir de 3 pilares: pessoas, planeta e lucro.


Quando analisamos os resultados da Logística Reversa fica bem prático de entender como este é um processo que está diretamente relacionado aos três pilares da sustentabilidade:


AMBIENTAL: Ao reciclar materiais para a fabricação de novos produtos, as indústrias evitam a extração de matéria prima virgem da natureza, preservando assim o nosso planeta, além de reduzir a necessidade de disposição em aterros e o risco de contaminação do solo;


SOCIAL: Depois que fazemos a separação em casa, as associações de catadores de materiais recicláveis fazem a triagem, classificação e preparo destes resíduos, gerando emprego e renda para milhares de pessoas em todo o país.


ECONÔMICO: A Logística Reversa é uma dos principais instrumentos da Economia Circular, que tem o objetivo de reincorporar sucessivamente os materiais recicláveis ao processo produtivo, ao invés de permitir que se transformem em lixo.


Associe-se ao InPAR e venha fazer parte do melhor programa do Paraná de Logística Reversa de embalagens pós-consumo.